As minhas Clarinhas de Fão

Share Button

Ingredientes

Para a massa:

250 g de Farinha

50 g de manteiga

1 e 1/2 dl de Água

sumo de Limão (umas gotas)

1 pitada de Sal

Para o recheio:

150 g de Chila

2 Ovos

1 e 1/2 colheres de sopa de Açúcar

1/2 colher de sopa de Farinha

Canela q.b.

Óleo q.b.

Açúcar em pó

Preparação

Misture todos os ingredientes para a massa e amasse, ligando tudo muito bem. Deixe repousar durante 30 minutos.

Prepare o recheio, juntando, num tacho, todos os ingredientes. Deixe cozer até ficar bem espesso.

Polvilhe a bancada com farinha e estenda a massa com um rolo da massa, de modo a ficar bem fina.

De seguida corte círculos do tamanho a gosto para fazer ” os rissóis” . Coloque no centro um pouco de recheio. Dobre formando meia-lua, unindo bem a extremidades, pressionando-as com os dedos ou com um garfo.

Frite em óleo bem quente, virando-as para alourar de ambos os lados.

Depois de fritas, retire o excesso de óleo com papel absorvente e polvilhe com açúcar em pó.

O recheio das minhas Clarinhas ficou mais escuro que o habitual pois gosto muito de canela então coloquei uma quantidade generosa.

Doce típico da Vila, que faz parte do Município de Esposende, leva o nome do local além fronteiras e faz deste produto uma referência regional e nacional. Os “pastéis de chila” são originários de Fão, onde detinham fama já em finais do século XIX, sendo-lhes apontadas referências de origem conventual.

Espero que gostem!

Fonte:pratosquefalam.blogspot.pt

Share Button

Veja também a receita  Filhós de Chila

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo