Pudim de requeijão

Share Button

Um doce tipo conventual de comer e chorar por mais, com a particularidade de ter o sabor suave do requeijão. Experimente e delicie-se…

– 500 g de açúcar

– 2 dl água

– 1 pau de canela

– 1 casquinha de limão

– 30 g de manteiga à temperatura ambiente

– 15 g de farinha

– 15 g de maisena

– 6 ovos

– 170 g de requeijão

– Caramelo líquido para untar

– Compota de uva q.b.

Ligue o forno a 180° C. Coloque o açúcar num tacho e junte a água, o pau de canela e a casquinha de limão. Deixe ferver até obter ponto-fio (mergulhe os dedos em água fria e coloque uma gota da calda de açúcar entre o polegar e o indicador. Ao afastá-los, forma-se um fio sem grande resistência).

Retire do lume e adicione a manteiga. Mexa até que derreta por completo e reserve. Numa tigela, junte a farinha com a maisena e os ovos. Passe o requeijão por um passador de rede, mexa bem e adicione ao preparado anterior. Elimine o pau de canela e a casca de limão do açúcar e verta, em fio, sobre o preparado de requeijão.

Unte uma forma retangular com caramelo líquido e verta o preparado de pudim. Coloque sobre um tabuleiro com um pouco de água e tape com uma folha de alumínio. Leve a meio do forno e deixe cozer, cerca de uma hora. Retire, deixe arrefecer completamente e desenforme. Sirva bem fresco, decorado com compota de uva.

Fonte:www.impala.pt

Share Button

Veja também a receita  Pudim de iogurte e ananás sem ir ao lume

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo